25/10/2020 às 08h51min - Atualizada em 25/10/2020 às 08h51min

Marinheiro tem jogão contra o Caxias domingo

No jogo de ida, o Marinheiro venceu por 1 a 0

Diarinho

Marcílio Dias já embarcou para Caxias no dia seguinte ao empate com o São Luiz, na quinta-feira. Isso porque o Marinheiro tem compromisso no estádio Centenário, às 15h de domingo, com a equipe Grená. O jogo vale pela nona rodada da fase de grupos.

No jogo de ida, em Itajaí, disputado na última semana, melhor para o Rubro-Anil que venceu por 1 a 0. Pensando nisso e já conhecendo o adversário, o técnico Waguinho Dias tem consciência que terá um grande desafio. Mas ele acredita que a equipe pode trazer um bom resultado do Rio Grande do Sul.

Falando sobre o que espera para o jogo de domingo, Waguinho sabe o que quer: buscar o resultado de três pontos fora de casa. “Ainda estamos invictos, mas temos muitos empates. A equipe do Caxias também quer fazer o dever, mas temos as condições”, projetou.

 

O maior desafio, segundo Waguinho, é o equilíbrio do grupo em que o Marinheiro está. “Não pense o torcedor que vai ser fácil, que já vai classificar. Vai ser até a última rodada, um sufoco. É o melhor grupo que tem, mas é o que torna difícil a classificação, porque todos têm qualidade”.

O comandante, por outro lado, vê evolução na equipe, principalmente com os retornos que deve ter dos atletas que estavam no departamento médico e foram desfalques em muitas rodadas. O atacante Anderson Ligeiro é um deles.

A baixa importante é a do zagueiro e capitão Magrão. Ele tomou o terceiro cartão amarelo diante do São Luiz, segundo o juiz por causa de reclamação, e cumpre suspensão automática.

 

Até o momento, a equipe conquistou 11 pontos na Série D e está fora do G4, em 5º. O Caxias tem a mesma pontuação e está em 4º lugar. Uma vitória na quinta-feira teria deixado o Marinheiro em segundo lugar. O grupo 8  deixa bem abertas as possibilidades de classificação.

Duelo catarinense

Tubarão e Joinville voltam a se enfrentar nesta rodada, depois da goleada que o Tricolor aplicou no Peixe no jogo disputado pelo returno da Série D. Jogando na Arena, o jogo ficou 6 a 1 pros donos da casa. Quatro gols foram só de Alison, que virou artilheiro da equipe.

 

O JEC é vice-líder do grupo 8, com 12 pontos, os mesmos do terceiro colocado Pelotas. Já o Tubarão tem situação difícil e é vice-lanterna, com os mesmos cinco pontos do São Caetano. Com uma base cheia de garotos, o Peixe venceu apenas uma partida desde que a Série D começou.

O elenco do Joinville viajou na tarde de sexta-feira para o Sul de Santa Catarina, onde vai encarar o Tubarão no estádio Domingos Gonzalez, às 16h deste sábado.

Situação do São Caetano tá difícil

 

A equipe do São Caetano vive uma situação muito difícil na Série D. Jogadores, funcionários e outros prestadores de serviço do clube decidiram entrar em greve a partir de sexta-feira por causa de salários atrasados.

Outra decisão também foi de não entrar em campo diante do Pelotas, em jogo marcado pra este sábado, no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. A ameaça já havia acontecido antes do jogo contra o JEC, tanto que houve até atraso na viagem pra SC.

Os atletas dizem não ter recebido premiações referentes às conquistas da Copa Paulista de 2019 e da Série A2 do Paulistão de 2020, além de 13º salários, FGTS e auxílio-moradia. Alguns estão até com ordens de despejo dos apartamentos onde moram.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp